Com a finalidade de assegurar o direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado o qual impõe ao Poder Público o dever de preservá-lo para as presentes e futuras gerações e em conformidade com a necessidade de adotar políticas públicas e ações estratégicas que promovam a proteção e a conservação do meio ambiente no âmbito da Secretaria de Saúde do Estado de Pernambuco em cumprimento ao Decreto 33.528/2009 que institui o Programa Agenda Ambiental na Administração Pública Estadual – A3P no Poder Executivo do Estado.

A Diretoria de Monitoramento e Gestão Estratégica promove o Programa Eco SES, este programa visa discutir e implementar mecanismos que reflitam o compromisso e a responsabilidade da Secretaria de Saúde de Pernambuco em incorporar princípios do desenvolvimento sustentável e da Agenda 21.
O que se pretende é inserir no contexto da secretaria uma agenda ambiental para estimular mudanças de atitudes no sentido de preservar o meio ambiente com ações focadas no consumo sustentável como redução de gastos com água, luz, papel e copos descartáveis, implantação da coleta seletiva, entre outras ações.

Objetivos



I - reorientar as demandas administrativas e operacionais da administração pública estadual, a partir da adoção de critérios socioambientais nos investimentos, nas compras e nas contratações de materiais, bens e serviços;



II - reduzir o consumo de água, de energia e de produtos e materiais derivados dos recursos naturais, assim como destinar de forma adequada os resíduos gerados nas atividades rotineiras das diversas instituições;



III - mobilizar, sensibilizar e capacitar gestores e servidores públicos estaduais, visando elevar o nível de conhecimento sobre a necessidade de incorporar a temática socioambiental em suas atividades diárias.

"Educação ambiental deve buscar, acima de tudo, a solidariedade, a igualdade e o respeito à diferença através de formas democráticas de atuação baseadas em práticas interativas e dialógicas. Isto se consubstancia no objetivo de criar novas atitudes e comportamentos diante do consumo na nossa sociedade e de estimular a mudança de valores individuais e coletivos."

-------Jacobi, 1997-------

AÇÕES